terça-feira, 4 de agosto de 2009

hmmmm....

Depois de muito, mas muito tempo mesmo eu volto aqui, cheio de novidades, muitas infelizmente não tão boas quanto eu gostaria.
A verdade é que estou com saudades, saudades demasiadas, dos amigos, da minha casa, de brincar descalço na terra ou no chão de terra do bairro, estou com saudade de me apaixonar perdidamente de novo.
Pensei que a cidade grande pudesse me dar tudo isso, mas, ela só quer que eu trabalhe para auxiliar uns e outros, 40 horas por semana. Não que isso seja ruim de maneira alguma, mas, eu gostaria de estar mais um pouco de tempo com quem gosta de mim, se toda a minha vida pudesse se transportar pra cá ou o meu emprego aonde tem gente que gosta de mim, seria tão bom...
Mas, não dá e por isso mesmo, vamos vivendo como se a vida fosse um constante esperar, esperar o amanhã, que, talvez chegue, tomara, talvez não.
Em resumo, eu vim aqui pra falar disso, que muitas vezes as pessoas vão embora, pra sempre e, em virtude dessa vida atribulada a gente se sente sem reação, com aquela sensação de "hmmmm... quero mais." Mas aí não dá mais. Mas, isso só me faz querer lutar mais nessa vida pra que pelo menos em algum momento específico e especial, eu possa trazer, nem que por algumas horas especialícimas, pessoas especiais para perto de mim.

A você que, sabe que é de você que eu estou falando e, a você que mesmo sabendo que não é de você que eu falo, mas, se sentiram tocados, abra um sorriso e lembre-se que as coisas estão bem melhores apesar de tudo e, que tudo o que sonhamos já é uma grande promessa realizada.

O Mensageiro

3 comentários:

Andarilho disse...

Esse longo hiato entre postagens certamente lhe fez bem. Vê-se - eu vejo - que muito você mudou e começou a entender.

Quando você disse que via tudo pelo lado simples, não acreditei, pois conhecia o antigo Mensageiro. Vejo que julguei mal e peço desculpas. Você realmente caminha em frente.

Renata disse...

Sábio mensageiro. Colocou em palavras o que eu venho pensando ultimamente... Beijos

Josy disse...

Pois é meu amigo, crescer dá nisso mesmo.
Que bom que as coisas estão dando certo, o resto se resolve depois... Quanto as pessoas, bem, elas entram e saem a todo instante na nossa vida. Costumo pensar que o que realmente importa é aquilo que fica, talvez tudo aconteça da melhor formaa... enfim, deve ser assim...
Muita luz e pazz nessa rotina boa. De verdade.